Uma Epígrafe



"...Quanto à poesia, parece condenada a dizer apenas aqueles resíduos de paisagem, de memória e de sonho que a indústria cultural ainda não conseguiu manipular para vender."...[Alfredo Bosi, in O Ser e o Tempo da Poesia, p. 133]

terça-feira, junho 23, 2009

Acorda Povo: Viva São João do Carneirinho!






















O comércio fecha as portas.
O povo abstém-se de atividades seculares.
É feriadão.
Tocam-se instrumentos de sopro,
matam-se cabras e carneiros e se faz oferenda de comedorias a Deus.
Nas casas ricas se fazem banquetes.
Essa festança se dá todos os meses do ano.
Mas não se trata de ritual de umbanda, nem de candomblé ou jurema.
Se assim fosse, sei que muitos torceriam os narizes hipócritas. rsrsrs
Mas esse cerimonial religioso era hebreu, o “Festival da Lua Nova”
que ocorria no início de cada mês.
(Vide, Nm 28:11 e 14; Ez 46:1-8, Nm 10:10; 28:11-15;
Sl 81:3; Am 8:5;1Sm 20:5, 18, 24, 27 e 34).

A própria festa de Pentecostes era também
uma antiga festa da colheita e pré-cristã.
Que diriam os cristãos de hoje se soubessem
Que os mais antigos costumavam freqüentar festivais da lua nova...
São Paulo repreendeu os colossenses justamente pela discriminação dos costumes da tradição popular daquela região:

"Portanto, ninguém vos julgue
por causa de comida e bebida,
ou dia de festa, ou lua nova, ou sábados,
porque tudo isso tem sido sombra
das cousas que haviam de vir;
porém o corpo é de Cristo."
Colossenses 2:16-17

Por que falo disso, aqui e agora?

É que ontem fomos a um festival, que reúne todas as bandeiras de São João do Carneirinho, num sincretismo carnavalizado e feérico.
O cortejo percorre as ruas do Recife, acompanhado por orquestras de metal, sambadas de côco, muito forró e até mesmo, o frevo, até o Pátio de São Pedro.
Eis um momento numinoso!
Eis uma festa pagã e pré-cristã!
Mas, ninguém vos julgue..., dizia São Paulo.
Eram também cristãos, os que ali dançavam e cantavam,
naquela imensa festa sazonal, que celebra a chuva, a colheita do milho e o santo, primo de Jesus Cristo.


#################################

Hoje o côco vai ser de roda!
É o Acorda Povo, no bairro da Várzea.
E eu estarei lá! Com chuva e tudo!
Se Deus permitir!

Viva São João!
Viva Deus, que pequeno sou eu!
Por isso, darei uma pausa nas postagens.
Estou em ritmo de celebração!


#################################


Postar um comentário